De que está à procura ?

franca
Lisboa
Porto
Paris, França
Portugal

Maioria dos portugueses acha que mercado do trabalho vai melhorar

Os profissionais inquiridos pela Michael Page mostram-se confiantes em relação ao futuro do mercado de trabalho. Nos próximos seis meses, 63% dos portugueses interrogados acreditam que o mercado de trabalho estará mais forte. Um valor que regista um crescimento de 11 pontos percentuais face ao período homólogo.

Estes são os dados do Índice de Confiança da Michael Page relativos ao terceiro trimestre de 2018 e medem a confiança dos profissionais no atual mercado laboral. Têm por base a resposta dos profissionais que se candidataram a ofertas de emprego através do site da Michael Page, num total de 640 respostas em Portugal.

Mais de metade dos profissionais portugueses considera a situação económica e laboral positiva, o que demonstra um clima de otimismo. Em relação aos objetivos profissionais, 64% dos trabalhadores sente-se confiante sobre o desenvolvimento de novas competências, 54% espera executar novas funções e 48% espera ser promovido. No que diz respeito à mudança de emprego, 52% dos candidatos acredita que irá encontrar um trabalho nos próximos três meses.

Relativamente ao nível de satisfação face às condições do mercado de trabalho, Portugal regista um aumento de sete pontos percentuais face ao período homólogo, fixando-se nos 53%. A média europeia situa-se nos 58%, sendo que a Alemanha e Suécia são os países da Europa mais satisfeitos com o mercado laboral, com 67%, e a Itália revela o menor índice de satisfação com 43%.