De que está à procura ?

franca
Lisboa
Porto
Paris, França
Comunidades

Morte de português em Dublin não foi crime

O ministério público irlandês excluiu a existência de crime na morte do praticante de Artes Marciais Mistas (MMA) português João Carvalho (na foto) após um combate, revelou a polícia local numa audiência judicial em Dublin.

“Submetemos um dossiê ao diretor de processos públicos (DPP) para consideração e o DPP determinou que não seria apresentada uma acusação criminal em relação ao incidente”, revelou o inspetor Paul Cleary na quinta-feira, citado pelo Irish Times.

A audiência judicial faz parte do inquérito judicial à morte do português a 11 de abril do ano passado após um combate dois dias antes na capital irlandesa.

Uma autópsia ao corpo estabeleceu como causa da morte uma “hemorragia subdural aguda” causada por uma pancada forte na cabeça durante o combate, no qual foi derrotada por KO técnico por Charlie Ward.

O inquérito judicial, um procedimento obrigatório quando as mortes são súbitas e não têm causa natural, poderá assim proceder, tendo sido adiado para setembro.

A audiência vai decorrer perante um juiz de instrução e um júri e deverá também ter a presença de familiares e próximos do português, segundo informação da polícia citada pela mesma publicação.