De que está à procura ?

franca
Lisboa
Porto
Paris, França
Portugal

Um desfile de moda na prisão

No dia 26 de abril a Associação ART4LIFE promove um desfile de moda onde diversas figuras públicas irão desfilar ao lado de reclusas e de modelos profissionais roupas dos criadores Roselyn Silva, Iza Vandee, António Coelho – Inspirafuror e Maria Paula Lourenço.

O evento terá lugar no auditório do EP de Tires onde será apresentado a toda a comunicação social o trabalho desenvolvido pela associação com esta população reclusa ao longo dos últimos 6 meses. A cantora Laura Azenha junta-se também a esta causa com uma atuação musical no final do desfile. Também Kiara Timas das Just Girls está ligada a esta causa, sendo da sua responsabilidade a coordenação deste desfile.

 

Vocacionada para apoiar todos os públicos desfavorecidos, através das mais diversas formas de arte, foi criada a 15 de Novembro de 2017 a Associação ART4LIFE.

A Associação junta músicos, atores, produtores, jornalistas, professores e educadores que partilham a vontade de ajudar, usando o seu saber-fazer.

O objetivo da Associação ART4LIFE é contribuir para a integração e reintegração na sociedade de minorias como jovens em risco, sem-abrigo, idosos, refugiados, pessoas com deficiência ou reclusos, entre outras. Este trabalho será realizado usando como base as mais diversas formas de Arte, como a dança, o teatro, a música, a moda ou a literatura. Também ferramentas de desenvolvimento pessoal como o coaching, serão usadas para promover a motivação e o auto-conhecimento.

O primeiro projecto da Associação ART4LIFE, INTEGRaRTE TIRES 2018, é dirigido à população reclusa do Estabelecimento Prisional de Tires. São cerca de 400 mulheres, de diferentes idades, nacionalidades, cada uma com a sua história de vida.

De uma ideia que começou por ser “apenas” um concerto e um desfile de moda na prisão, com vista a integrar através da arte, nasceu a 1ª edição do INTEGRaRTE. Um projeto social da Associação ART4LIFE, que decorrerá no Estabelecimento Prisional de Tires entre 4 de Outubro de 2017 e 26 de Abril de 2018.

Este projecto tem como objectivo, além da valorização da auto estima da mulher reclusa, dar uma nova oportunidade de integração na sociedade, através da melhoria da sua imagem e consequentemente da saúde oral (devolver o sorriso é essencial), permitindo assim uma mais fácil integração no mercado de trabalho.

Ao longo de aproximadamente seis meses a Associação ART4LIFE tem vindo a proporcionar a esta população de 430 reclusas tratamento dentário (colocação de implantes e próteses, manutenção de aparelhos, cirurgias, tratamento de cáries, etc) por forma a recuperar a sua débil saúde oral, com vista a melhorar a sua imagem e a sua autoestima para mais facilmente integrarem o mercado de trabalho aquando, do seu regresso à sociedade.

Paralelamente, têm decorrido, aberto a toda a população reclusa, aulas de ginástica e de dança, acções de formação nas áreas de desenvolvimento pessoal (coaching motivacional), cuidados de beleza (maquilhagem e cabelos) e moda (como se vestir). Saber como se vestir e arranjar, ou como falar e estar numa entrevista de trabalho, é essencial para o sucesso da mesma.

Porquê começar pelo apoio a reclusas? São mulheres, algumas delas são mães, e representam um público desfavorecido que, muitas vezes, fica fora do alcance das campanhas de solidariedade.