De que está à procura ?

franca
Lisboa
Porto
Paris, França
França

Champigny: seis anos do monumento aos emigrantes portugueses

Foi há seis anos que o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, inaugurou o monumento de homenagem aos portugueses que escolheram Champigny-sur-Marne e a região para emigrarem.

Presente no evento, o deputado Carlos Gonçalves partilhou nas redes sociais a sua presença, tendo posado junto ao “tijolo com o nome do meu pai, Almiro Gonçalves, que chegou a esta cidade do Val de Marne em 1972 e onde durante alguns meses viveu na Rua Albert Thomas”, disse Gonçalves.

Esta sexta-feira comemorou-se a inaugração do monumento que homenageia os portugueses mas também o autarca Louis Talamoni, que dirigiu os destinos de Champingy durante 20 anos de 1955 e 1975.

Além do deputado Carlos Gonçalves, estiveram presentes na cerimónia o presidente do departamento de Val de Marne, Christian Favier, o presidente da Câmara de Champigny, Frederico Nascimento em representação da Embaixada de Portugal e o presidente da Câmara de Comércio e Indústria Luso-Francesa, Carlos Vinhas Pereira e o homem que esteve na origem deste monumento, Valdemar Francisco.