De que está à procura ?

franca
Lisboa
Porto
Paris, França
Europa

Costa e Sánchez reunem-se em Andorra

O primeiro-ministro, António Costa, reúne-se na quarta-feira, em Andorra, com o seu homólogo espanhol, Pedro Sánchez, encontro que acontecerá à margem da XXVII Cimeira Ibero-Americana e num momento em que Portugal preside ao Conselho da União Europeia.

Em Andorra, segundo fonte do Governo português, António Costa terá também reuniões bilaterais com o chefe de Governo do Principado de Andorra, Xavier Espot, e com a secretária-geral Ibero-americana, Rebeca Grynspan.

Na XXVII Cimeira Ibero-Americana, entre terça e quarta-feira em Andorra, Portugal estará representado pelo Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, pelo líder do executivo, António Costa, e pelo ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva.

A reunião entre António Costa e Pedro Sánchez, em Andorra, terá lugar cerca de três semanas antes da cimeira social do Porto, em 07 de maio, considerado o evento central da presidência portuguesa do Conselho da União Europeia.

No plano político, Portugal espera o pleno apoio por parte de Espanha, com um Governo também socialista, para que haja um compromisso dos Estados-membros e das instituições europeias em torno da adoção de um Plano de Ação do Pilar Europeu dos Direitos Sociais até 2030.

Um plano que tem como principais metas uma taxa de emprego de pelo menos 78% na União Europeia, a inclusão de 60% dos adultos anualmente em formação, e redução do número de pessoas em risco de exclusão social ou de pobreza em pelo menos 15 milhões de pessoas, entre as quais cinco milhões de crianças.

No dia seguinte à cimeira social, também no Porto, realiza-se uma reunião Informal de chefes de Estado e de Governo da União Europeia, da qual deverá sair uma declaração de compromisso sobre o desenvolvimento do pilar social europeu.

Ainda no que respeita à reunião com Pedro Sánchez, em Andorra, deverá também ser feita uma análise à atuação europeia na resposta à crise sanitária da covid-19 e às medidas para a recuperação económica. Um dos objetivos centrais da presidência portuguesa visa precisamente acelerar o processo de ratificação pelos Estados-membros do fundo de recuperação e resiliência para que os planos nacionais entrem em execução a partir de junho.

No plano das relações bilaterais luso-espanholas, além deste encontro entre chefes de Governo, e tal como a agência Lusa já avançou na sexta-feira, o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, vai reunir-se com o rei Filipe VI de Espanha à margem da XXVII Cimeira Ibero-Americana.

Em pouco mais de um mês, este será o segundo encontro institucional entre o chefe de Estado português e o monarca espanhol, depois de Marcelo Rebelo de Sousa ter sido recebido em Madrid em 12 de março passado, poucos dias após ser empossado no parlamento para um segundo mandato como Presidente da República.

Além da reunião com o rei Filipe VI, durante a cimeira ibero-americana, Marcelo Rebelo de Sousa terá encontros bilaterais com os presidentes da República Dominicana, Luis Abinader, e da Guatemala, Alejandro Giammattei, e com o chefe de Governo do país anfitrião, Andorra.

A comunidade ibero-americana é composta por 22 países, dos quais três europeus, Portugal, Espanha e Andorra, e 19 latino-americanos: Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Peru, Uruguai, Venezuela, México, Costa Rica, El Salvador, Guatemala, Honduras, Nicarágua, Panamá, Cuba e República Dominicana.

A primeira cimeira desta comunidade realizou-se em 1991, em Guadalajara, no México. Os encontros repetiram-se, com periodicidade anual, até 2014. Desde então, passaram a ser de dois em dois anos.

Na maior parte das cimeiras ibero-americanas, Portugal tem estado representado conjuntamente pelos chefes de Estado e de Governo.

O primeiro-ministro, António Costa, e o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, estiveram juntos e estrearam-se ambos nestes encontros em outubro 2016, na cimeira de Cartagena das Índias, na Colômbia.

Em novembro 2018, Marcelo Rebelo de Sousa participou na 26.ª Cimeira Ibero-Americana, na cidade histórica de Antiga, na Guatemala.

O Presidente da República já esteve no Principado de Andorra, no seu anterior mandato, numa visita oficial de cerca de 24 horas, em setembro de 2017.

 

Facebook Comments Box