De que está à procura ?

franca
Lisboa
Porto
Paris, França
Mundo

Covid-19 já matou mais de meio milhão

A pandemia da covid-19 já matou mais de 500.000 pessoas em todo o mundo desde que a doença foi detetada na China, em dezembro, segundo um balanço da agência AFP até ao final do dia de domingo. No total, foram contabilizadas 500.390 mortes a nível global, 196.086 das quais na Europa, o continente mais atingido.

Os Estados Unidos são o país onde se registou o maior número de mortes (125.747), seguindo-se o Brasil (57.622), o Reino Unido (43.550), a Itália (34.738) e a França (29.778).

O número de mortes registadas duplicou em pouco menos de dois meses, depois de ter alcançado os 250 mil óbitos no dia 05 de maio.

A AFP registou ainda um total de 10.099.576 casos diagnosticados a nível mundial, o dobro desde 21 de maio.

O número de casos diagnosticados só reflete, no entanto, uma fração do número real de infeções, já que alguns países testam apenas casos graves, outros usam os testes para fazer rastreio e muitos países mais pobres têm dificuldades em testar em grandes números.

O balanço apresentado pela AFP foi realizado com base em dados das autoridades nacionais e informações da Organização Mundial de Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Depois de a Europa ter sucedido à China como centro da pandemia em fevereiro, o continente americano é agora o que tem mais casos confirmados e mais mortes.