De que está à procura ?

franca
Lisboa
Porto
Paris, França
Motores

Porsche a braços com defeitos de fabrico

Desde Março que a Porsche sabe que alguns dos seus Panamera e Taycan podem ter montados braços da suspensão frontal com uma deficiência de fabrico, que podem ceder repentinamente e partir-se. Só no mercado norte-americano, quatro casos já foram reportados em modelos novos, com a fractura da peça a poder ocorrer aquando de uma travagem, em curva ou quando submetida a um esforço mais violento, provocando a perda de controlo do veículo.

Todos os Porsche são fabricados nas mesmas instalações na Alemanha, pelo que não deixa de ser estranho que apenas os condutores norte-americanos tenham acesso em primeira mão ao problema, através do anúncio público da National Highway Traffic Safety Administration (NHTSA) no seu site. Envolvidos estão veículos de 2021, dos modelos Taycan, além dos Panamera e Sport Turismo nas versões Turbo S, 4S E-Hybrid, 4 E-Hybrid, 4, 4S e GTS.

Após análise do problema mecânico, a Porsche concluiu que o braço inferior da suspensão dianteira pode partir sem aviso e sem emitir qualquer ruído, com a roda a virar de imediato 45º, provocando situações potencialmente muito perigosas. O defeito, de acordo com a marca, é devido a um problema com a construção do braço, que é forjado, mas não com as especificações necessárias.

Nos EUA, a chamada às oficinas já foi anunciada. Os braços da suspensão serão substituídos por outros fabricados consoante as normas, na visita dos proprietários aos concessionários.

De recordar que os modelos da marca alemã têm tido um ano difícil em termos de fiabilidade e qualidade de construção, pois em poucos meses já se registaram recalls devido a braços de suspensão soltos, perdas de carga de baterias de 12V, fendas nos blocos do V8 biturbo, entre outras, de acordo com a imprensa norte-americana.